A Disney é muito conhecida por suas princesas de olhos grandes, mas agora os seus pesquisadores descobriram uma maneira de fazer animações de olho mais realistas. Em uma conferência, cientistas de computação gráfica que trabalham para a Disney e a ETH Zurich anunciaram que eles desenvolveram um método que pode capturar o olho em 3-D e reproduzi-lo com precisão.

“Os olhos genericamente modelados podem ser suficientes para personagens de fundo, mas é preciso um esforço significativo para criar manualmente os olhos realistas para heróis e outros personagens principais,” disse Pascal Bérard, um estudante de doutorado em computação gráfica da Disney Research Zurich e ETH Zurique. “Nossa técnica de reconstrução pode reduzir muito o tempo gasto e ajudar a aumentar o realismo do olho.”

O processo de capturar o olho leva cerca de 20 minutos e envolve um ator deitado no chão com a cabeça presa em um apoio. Múltiplas câmeras gravam o olho com as luzes fortes ou fracas. A iluminação é alterada para capturar a dilatação da pupila e a deformação da íris (a parte colorida do olho) com as contrações e aumentos da pupila. As câmaras também gravam o formato da córnea (a parte transparente que cobre a íris e a pupila), e a coloração e os pormenores da esclera (a parte branca do olho) bem como da íris.

Além de fazer animações mais realistas, a tecnologia pode ser usada para criar dublês animados de atores, para uso em filmes ou vídeo games.

A tecnologia de captura de olho é a continuação de um capítulo do realismo em animação, precedido por outros itens, como o cabelo. Mas não espere para ver exemplos disso nas bilheterias ainda – os pesquisadores só foram capazes de descrever com precisão o movimento de uma pupila em um globo ocular. Adicionando outros movimentos para os olhos (como o movimento do globo ocular em si) fica mais complicado, e é o que os autores chamam de uma “futura extensão emocionante” do seu trabalho.

O vídeo abaixo tem mais informações sobre o processo de captura de olho.