Revisão | Karakai Jouzu no Takagi-san 3 – Capítulo 6

Revisão |  Karakai Jouzu no Takagi-san 3 – Capítulo 6

Esta análise de Karakai jouzu no Takagi-san 3 contém spoilers. Se você não viu o capítulo, recomendamos que você o faça e depois volte para ler a resenha.

©SY,S/TKG 2022

Capítulo 6: Festival de Cultura

O festival cultural é importante, fazer um bom ensaio sem que ninguém erre é prioridade para que tudo saia correto, se errarem devem se ajudar a resolver o problema, isso acontece com Nishikata e Takagi, embora um pensamento que ela queria que eles fossem declarados. No mesmo festival acontecem várias atividades, sendo a casa do terror marcante, Nishikata convoca Takagi lá para um novo confronto, sem sucesso para o menino. Além disso, há também um concurso de alimentação, no qual Kimura e Yukari participam; as empregadas de café são muito relevantes, principalmente se forem homens que frequentam. Finalmente, o grande encerramento é a peça, uma adaptação livre de Romeu e Julieta, na qual Kimura e Takagi vão se exibir, embora o primeiro tenha que sair no final e o verdadeiro príncipe de Takagi, Nishikata, ceda.

Opinião do Capítulo

Para mí ha sido un capítulo muy normal, al menos hasta la obra de teatro, la cual pensé tendría más tiempo, pero no y está bien, esos pocos minutos fueron suficiente para hacerme gritar de emoción ya la vez llorar (algo tan alegre puede ser tão triste). A nível geral sinto que houve uma queda na qualidade da imagem. Não teve abertura, o que é bom e o final foi lindo, ver como Takagi canta é simplesmente maravilhoso. Não tenho muito o que comentar nessa parte, a seguir comentarei mais coisas. Foi simplesmente um capítulo correto com um final muito “eu quero mais!”.

©SY,S/TKG 2022

ensaios

Obviamente eles tinham que ensaiar e algo tinha que acontecer, algo que resultasse em um mini spoiler ou uma referência ao que aconteceria a seguir, porque Nishikata pediu para Takagi se ver no telhado e quem vê shoujos sabe o que isso significa, além de que ele mesmo mangá que Nishikata gosta se refere a isso: uma confissão. Takagi já sabia que ela pediria para ele ensaiar, embora, como ela brinca com a mente dele, ela presumia que ele pensaria que ela assumiria que ele confessaria (todo emaranhado, como o próprio Nishikata). No final nada acontece, pelo menos não por aquele momento…

casa de terror

A casa de terror é algo muito típico que vemos nesses animes, assim como o teste de coragem em uma floresta. Mas aqui chegamos a outro ponto, nossa testa está ficando menos sutil, quase nada sutil, ele conta as coisas para ela, murmurando, mas ele as diz. Ele finge não entender e como se “eu não disse nada”, com aquela cara estóica a verdade é que é credível. O desafio mudou para o que ela queria, caminhar com ele por aquele lugar. E se você está se perguntando “como Takagi sabia onde Nishikata estava?” a resposta é simples: um mágico sabia. Não, mentira, era o poder do amor.

Falando sério, ela revelou em capítulos passados, ela sabe tudo sobre ele.

©SY,S/TKG 2022

Os outros

Essa temporada me fez ver que as secundárias estão tendo menos participação. Os subcapítulos exclusivos do trio de amigos foram reduzidos no tempo, além das demais subtramas dos outros filhos apaixonados, já não saem tanto, pois já estão resolvidos e seria muito repetitivo. Embora desta vez eles soubessem como fazer com o maid cafe, a heterossexualidade é realmente vista lá. Por outro lado, nesta temporada essas seções estão muito mais ligadas aos protagonistas, por exemplo, o concurso de comida que leva a Kimura e seu problema de estômago. Ou também sobre as meninas do último capítulo que culminou na escolha da peça.

Esses companheiros perdem relevância individual, mas a ganham no plano da trama, sendo importantes na relação que está surgindo entre as crianças mais puras dos animes.

©SY,S/TKG 2022

Peça de teatro

Eu quero ir direto ao ponto e derrubá-lo. QUE BONITO!! Demais, Kimura, apesar de querer sem querer, torna-se mais DEUS, salva tudo. Tudo estava indo bem na peça, não houve erros (realmente parabéns ao seiyuu Rie Takahashi, que faz a mudança de voz para a peça). Apenas o grand finale, a única coisa diferente e o único erro foi no final, onde Kimura tem que ir ao banheiro e deixa o resto para Nishikata. Esse garoto improvisa muito bem, apesar de estar atordoado e diz a ela o que Takagi queria ouvir e ela menciona o que sempre quis dizer, “desde que te conheci na primavera”. Aquele abraço não foi teatral, foi algo aproveitado por Takagi devido à situação, foi um abraço de amor, finalmente posso te dizer o que queria te dizer, finalmente posso te mostrar meus sentimentos.

E karaokê é a última coisa, apenas Takagi já disse a ele e Nishikata já entendeu. E se ele realmente não entendeu a temporada, ele vai ladeira abaixo. Vamos torcer para que o protagonista aja de acordo com o que sabe, pois se assim for, esta segunda parte da temporada será muito interessante.

©SY,S/TKG 2022