Por que algumas séries apostam na produção de episódios originais?

Por que algumas séries apostam na produção de episódios originais?

O portal japonês Otoko no Kakurega Digital publicou um artigo explicando a produção de episódios originais dentro de projetos de anime, e por que eles carregam um grande risco para estúdios e escritores de serem mal recebidos pelos espectadores.

Por que algumas séries apostam na produção de episódios originais?

“É comum que séries de animação transmitam cenas que não aparecem no mangá ou novel original. Os fãs do material original não teriam nenhuma reclamação se fossem apenas cenas extras. No entanto, algumas séries de anime apostam em episódios completamente originais, ou começam a correr em uma direção diferente do original. É neste ponto que os fãs não podem ficar quietos.”

“Existem vários pontos em comum entre os episódios originais do anime: (1) Personagens da obra farão uma aparição, incluindo novos personagens originais; (2) Tende a incluir uma história comovente ou bem-humorada; (3) Um problema surge no meio da história original; (4) De alguma forma, chega-se a uma solução que retorna a linha do tempo ao original. Mas, tomados separadamente, esses pontos não significam necessariamente que irão falhar. Por exemplo, muitos fãs ficam encantados ao ver suas próprias teorias em ação nos episódios originais do anime, que destacam cada personagem individualmente.”

“Em particular, é ainda melhor se a história de fundo que nunca foi contada na história original ou no anime principal for trazida à vida. Por outro lado, episódios em que o cenário se desenrola de forma diferente do original tendem a ser recebidos negativamente. Isso provavelmente é influenciado pelo fato de os fãs que entram no anime a partir do material de origem terem uma ideia preconcebida de como a adaptação deveria ter sido feita.

“Aparentemente, existem várias razões para produzir novos episódios como episódios originais do anime, mesmo que não estejam no trabalho original. Para ganhar tempo quando a história está prestes a acompanhar o material de origem (geralmente o mangá), ou para corrigir o enredo animado porque ele se afastou do enredo original. Quando esses ajustes são feitos, os episódios originais do anime são produzidos e explorados. No passado, episódios originais de anime (até mesmo arcos) foram incluídos em vários trabalhos, como One Piece, Naruto, Fullmetal Alchemist e BLEACH. Algumas foram boas ideias, mas outras falharam miseravelmente.”

“No caso de animes de longa duração, One Piece e Naruto são animes de longa duração, e é provável que ocorra o fenômeno do anime quase alcançando o material de origem. Portanto, as duas franquias de anime parecem ter produzido episódios de anime originais para ganhar tempo. As reações dos fãs variaram de tempos em tempos. “Gosto que eles exploraram a história de fundo do personagem X” ou “não me lembro desses episódios, já que eram originais, não me importei muito” são duas nuances da opinião dos fãs.

“Mais recentemente, os episódios originais do anime Kimetsu no Yaiba foram vistos de forma diferente. O mangá Kimetsu no Yaiba foi ao ar em forma de anime no “Arco Tanjiro Kamado Ritsushi” e foi seguido pela produção teatral do “Arco Mugen Ressha”. Existem muitas obras de anime onde a história é conectada quando o anime e o filme são vistos em ordem cronológica, mas Kimetsu no Yaiba quebrou esse formato. O filme foi logo depois convertido em uma série de televisão, continuando a contagem de episódios. Naquela época, a produção de um novo episódio original também foi anunciada. Este episódio narra o que o Pilar de Fogo, Kyojuro Rengoku, fez pouco antes dos eventos do filme. Essa ideia foi aplaudida por fãs de anime (somente anime) e fãs do mangá original.”

“Os episódios originais podem ser assustadores, e um passo em falso pode causar uma enorme reação. Para começar, é uma tarefa difícil criar um palco que leve em conta não apenas a qualidade do palco, mas também as opiniões dos fãs. Vejamos algumas dessas dificuldades: (1) Enquanto houver fãs do material original, sempre haverá o risco de insatisfação desse setor; (2) Se o personagem original não se encaixa na história, um erro foi cometido; e (3) Os personagens originais não precisam alterar a história original, mas o episódio deve retornar a ela no final. Qual seria a fórmula perfeita para que todos fiquem satisfeitos? O que aparentemente tem funcionado mais é desenvolver os bastidores de alguns personagens.

Fonte: Otoko no Kakurega Digital

©︎男の隠れ家デジタル