Categorias
Animes e mangás

Crunchyroll pode demitir um dublador por sindicalização

O dublador americano Kyle McCarley revelou em um vídeo em seu canal do YouTube que ele não pode reprisar seu papel como o protagonista Shigeo "Mob" Kageyama no próximo Mob Psycho 100 Season 3 dub em inglês porque Crunchyroll não está cumprindo seu pedido de que a empresa reunir-se com representantes do Screen Actors Guild – Federação Americana de Artistas de Rádio e Televisão (SAG-AFTRA) para negociar um possível contrato de futuras produções. A plataforma aparentemente confirmou essa informação em uma declaração unilateral, que escreveu:

  • A Crunchyroll está animada para trazer aos fãs de todo o mundo o Mob Psycho 100 Season 3 dub como SimulDub, no mesmo dia e data da exibição japonesa. Estaremos produzindo a dublagem em inglês em nossos estúdios de produção em Dallas e, para fazer isso sem problemas, de acordo com nossas diretrizes de produção e elenco, precisaremos reformular alguns papéis. Estamos empolgados que os fãs estão gostando dos novos locutores e um enorme obrigado aos membros do elenco que estão saindo por sua contribuição nas temporadas anteriores.

Por outro lado, em seu vídeo, Kyle comentou: " Ficou muito claro para mim que no caso da terceira temporada de Mob Psycho 100, a Crunchyroll não vai produzir essa série com um contrato SAG-AFTRA ." McCarley é membro do sindicato SAG -AFTRA e faz parte do Comitê Diretivo de Dublagem do SAG-AFTRA e normalmente não trabalha em dublagem não sindicalizada. crunchyroll Apesar disso, McCarley abordou a Crunchyroll com a oferta de que trabalharia sem sindicato nesta temporada com a condição de que a Crunchyroll negociasse um possível contrato em futuras produções com a SAG-AFTRA . No momento do lançamento de seu vídeo, a Crunchyroll não honrou essa oferta. McCarley concluiu que ele, pelo menos, pode não retornar à série se a situação não mudar. « Eu só quero colocar esta pequena nota aqui para ser muito, muito claro: não se trata de dinheiro. A Crunchyroll estava disposta a me pagar pelo menos o que eu receberia em um contrato em escala sindical, possivelmente mais, eles só não querem colocar em um contrato sindical ”, continuou. Por fim, comentou sobre os sindicatos por meio de sua conta oficial no Twitter:

  • Os sindicatos protegem principalmente os trabalhadores que representam, dando-lhes poder de negociação coletiva, o que significa que, em vez de negociar as condições de seu emprego individualmente, um por um, o sindicato negocia mínimos básicos para todos de uma só vez. Isso geralmente leva a melhores condições para todos os trabalhadores, pois como coletivo eles têm influência nessas negociações. Quanto é pago, quantas horas são trabalhadas, quão duras são essas horas, com que frequência são feitas pausas ou folgas, quais precauções de segurança são tomadas, etc.
  • Um exemplo de como o SAG-AFTRA ajuda as emissoras, em particular, é negociar termos que nos protegem de um trabalho vocalmente estressante. Muitas vezes temos que gritar muito no trabalho, mas nossos contratos garantem que nunca seja por muito tempo. Nosso sindicato também fez um grande esforço para educar a nós mesmos e nossos empregadores sobre os perigos de trabalhar com estresse vocal. E há muitos outros benefícios, mas os mais importantes que quero destacar são o seguro saúde e o fundo de aposentadoria.

Fonte: YouTube via ANN